Votos do utilizador: 5 / 5

Estrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativa
 

A crise interna do maior partido da Oposição que saiu profundamente derrotada nas ultimas eleições de 2016, intensifica-se cada vez mais

À medida que se aproxima as eleições directas para a eleição do novo presidente agendado para o dia 29 de Janeiro.

Em jeito de auto defesa, Júlio Correia o principal possivel candidato a enfrentar Janira Hoppfer Almada nesta embate utilizou nesta sexta-feira a sua pagina do facebook para se defender daquilo que chama de mentira o que a adversária anda a dizer na comunicação social a seu respeito.

È que segundo escreve a actual presidente do PAICV, em recente entrevista à imprensa e interpelada sobre a problemática da "Base de Dados do Partido" disse que a mesma estava a quando das ultimas eleições internas à guarda do antigo Secretario Geral, Julio Correia  que também era candidato.

 “ Esta afirmação sendo curta, contém, ainda assim duas mentiras: primeira porque na verdade, a última reunião do Comissão Nacional  havia criado e mandatado uma comissão liderada pelo Manuel Inocencio para tutelar a Base de Dados. Segunda, porque naquela oportunidade o Secretario Geral não era candidato”afirma.

 O possivel candidato a assumir as redias do partido que neste momento está   ao desnorte e a driva conforme ele mesmo afirma,  considera que  Janira Hopffer almada é incapaz  de federar as vontades múltiplas do  partido para melhor enfrentar (e vencer) os desafios políticos que, para além de não serem poucos, são muito exigentes.

“Esta manifesta incapacidade ficou patente ao forçar eleições antecipadas e à revelia das regras estatutárias e claramente um expediente no mínimo bizarro, pretendendo ganhar a si própria num tempo político em que teve a inabilidade de perder (derrotas históricas) todas as eleições, legislativas, autárquicas e presidenciais” escreve.

Julio Correia vai mais longe e  e afirma que Janira tentou culpabilizar José Maria Neves pela derrota do partido e tem-se justificado o descaminho do partido à cidadania dos militantes utilizados como bode expiatório do seu mau desempenho.

Quando a questão da desorganização de Base de dados do partido Juklio Correia Reitera que esta responsabilidade ficou ainda durante a liderança de José Maria Neves nas responsabilidades da comissão presidida por Inocencio Sousa, uma verdade que Janira H. Almada finge desconhecer, segundo diz por deslealdade ou algo mais sordido.